CONTEÚDO KAZ

A importância da comunicação assertiva para sua vida e negócios.

“Eu presto atenção no que eles dizem, mas eles não dizem nada, yeah yeah...”


Esse é o trecho de uma música dos Engenheiros do Havaí, uma banda de rock brasileira famosa nas décadas de 1980 e 1990.

Muitas vezes nós não estamos atentos ou não percebemos, mas a nossa comunicação está igual a letra da música.


Estamos falando, porém, as pessoas não estão entendendo, ter uma comunicação assertiva nos dias de hoje é essencial para o sucesso na vida e nos negócios.


Isso pode estar acontecendo porque não sabemos nos comunicar com pessoas com perfis comportamentais diferentes dos nossos.


Provavelmente nem o nosso próprio perfil comportamental nós conhecemos, o que torna a comunicação ainda mais complexa.


Tanto em casa como no trabalho os “ruídos” na comunicação podem gerar muitos prejuízos.


Para as empresas a falta ou deficiência na comunicação gera diversos problemas não somente financeiros como de relacionamentos internos.


Ter uma comunicação MOTIVADORA significa ter assertividade para falar com as pessoas de forma adequada, ou seja, na linguagem que ela entende e valoriza.


Alcançar resultados com um time de pessoas com diversos tipos de personalidades, estilos comportamentais é um grande desafio.


Parece óbvia a necessidade de alinhar expectativas entre motivação do colaborador e da empresa não é mesmo?


Por mais óbvio que isso pareça, ainda hoje isso é um grande gargalo nas empresas.


Conheça os 5 maiores problemas gerados pela falta de comunicação nas empresas.


1. Aumento de gastos, pois a falta de comunicação pode levar a ausência de fluxos internos, informações desencontradas, demissões sem necessidade, treinamentos não efetivos, entre outros problemas.


2. Pouca compreensão da cultura e objetivos da empresa, a falta de alinhamento entre a cultura da empresa e o funcionário pode gerar problemas sérios entre as diversas áreas da empresa.


3. Perda de produtividade, com uma comunicação problemática toda a cadeia produtiva é prejudicada, pois o financeiro não entende o que o marketing precisa, que por sua vez tem problemas com a área comercial e assim por diante.


4. Ausência de feedback, devido aos ruídos na comunicação e a falta de autoconhecimento muitas vezes os colaboradores não se sentem à vontade para falar com os líderes, gerando insatisfação entre as partes.


5. Diminuição do engajamento, os colaboradores sentem que não fazem parte do processo ou que estão sendo excluídos da equipe.


Entender os diferentes comportamentos das pessoas, torna a comunicação mais leve, fluida e fica muito mais fácil saber quais são os motivadores de cada um.

Análise comportamental DISC.


Uma ferramenta que pode ser fundamental para a melhora da comunicação nas empresas é a análise comportamental DISC.


O DISC mapeia as características predominantes em cada pessoa, e como elas influenciam diretamente os comportamentos e a maneira como os indivíduos encaram as mais diversas situações do cotidiano.


A análise comportamental nos permite conhecer e prever como cada pessoa pode reagir a determinada situação ou comunicação conforme seu perfil.


Ter este conhecimento abre um leque de possibilidades para falar de maneira mais personalizada para cada pessoa, melhorando significativamente o alcance e performance da comunicação.


Desenvolvida na década de 1920 por William Moulton Marston, PhD em psicologia pela Universidade de Harvard e publicada em seu livro “As emoções das pessoas normais”, a teoria DISC é utilizada para gestão de pessoas para aumentar e melhorar o desenvolvimento pessoal, auxiliar nos processos de recrutamento, produtividade das equipes e diminuir a rotatividade.


Cada uma das letras do DISC significa um dos comportamentos predominantes (Dominance, Influence, Steadiness, and Conscientiousness) em inglês traduzindo para o português são Dominantes, Influentes, Estáveis e Analíticos.


Os dominantes são orientados para os resultados e motivados por desafios, preferem mensagens rápidas e diretas.


Os influentes são os comunicativos, criam relacionamentos com as pessoas, porém são dispersos e tendem a se perder na comunicação pelo excesso de assunto.


Os estáveis precisam de rotinas, são constantes, persistentes e pacientes, precisam de uma comunicação que acompanhe o ritmo deles.


E os analíticos são pessoas sistemáticas, perfeccionistas e que precisam de padrões de atuação, a comunicação com eles precisa ser detalhada e não pode deixar dúvidas.


Para entender o impacto de cada perfil comportamental na comunicação disponibilizamos um curso totalmente gratuito de “Comunicação assertiva” na nossa página de cursos do Instituto KAZ.


Aproveite agora essa oportunidade de melhorar suas habilidades de interação e seja um comunicador de sucesso.



TRANSFORME-SE COM O KAZ